top of page
  • Foto do escritorWFB

Walking Football Brasil (WFB) e o núcleo modalidade de futebol inclusivo na cidade de Jundiaí.



A Walking Football Brasil (WFB), o patrocínio das empresas Dexco-Deca e Ambev, por meio da Lei de Incentivo ao Esporte Federal, desde o final de 2022 atua nos municípios de Jundiaí e Cajamar, novos núcleos da modalidade walking football, futebol que se joga caminhando voltado à população 60+. Em Jundiaí, o projeto acontece no Complexo Educacional, Cultural e Esportivo Nilo Avelino Macedo, em parceria com a Unidade de Gestão de Esporte e Lazer do município.


O projeto disponibilizou até 120 vagas nos dois municípios, para aulas regulares do esporte, orientada por uma equipe multidisciplinar da WFB.


Quando falamos de futebol, logo vem em mente os times correndo em campo, numa disputa que envolve velocidade e muito impacto. E se falássemos que há um futebol que se joga andando e que ao correr a jogadora ou jogador, leva uma penalidade.


Isso mesmo. Esse futebol existe. Isso é walking football, um futebol preparado para pessoas maduras, onde uma das principais regras, é jogar caminhando, tornando-o inclusivo, proporcionando relevantes índices positivos de saúde e bem-estar. O esporte nasceu na Inglaterra e vem se popularizando pelo mundo e é representado no Brasil, pela Walking Football Brasil, organização da sociedade civil, que instituiu a prática no país, capacitando profissionais e democratizando a modalidade, por meio de sua metodologia, para diversos espaços que atuam com a população longeva, como: Núcleos de Convivência da Pessoa Idosa, Clubes e Espaços Comunitários.


A WFB é a organização oficial do esporte no país, regulando a modalidade. É filiada à FIWFA (Federation of International Walking Football Association).


Para Ricardo Leme, fundador e CEO da Walking Football Brasil, a modalidade tem um papel social importante para o desenvolvimento e impacto positivo na vida das pessoas 60+ compreendendo a sua heterogeneidade.


“Atuamos com o esporte para o desenvolvimento humano. Hoje no Brasil, existem mais de 37 milhões de pessoas idosas e o estímulo ao exercício físico, como a prática de walking football, contribui para o bem-estar destas pessoas, além de promover a longevidade ativa. Quando respeitamos às diferenças das pessoas 60+ e as incluímos em um projeto de futebol que se joga caminhando, atuamos para melhorar o bem-estar físico e emocional destas pessoas, além do promover a construção de um espaço de diálogo e interação social”.

Segundo ele, a parceria com o município é um grande ganho para a democratização do esporte.


“Chegar em Jundiaí, um dos grandes municípios da região metropolitana de São Paulo, é muito significativo para a democratização deste esporte O futebol é um patrimônio cultural e paixão nacional da população brasileira e, agora com walking football, nós acreditamos ser possível levar uma experiência de jogo para as pessoas maduras”.

Núcleo Jundiaí em matéria para o SBT

(vídeo de matéria realizada pelo SBT)


A WFB é a organização responsável pela disseminação e estruturação oficial da modalidade de futebol adaptado aos maduros, que se joga caminhando, com menor impacto e riscos de lesão. A modalidade está presente em mais de 16 países e 2000 clubes pelo mundo.


Está ligada a federação internacional da modalidade na representação do esporte no país e, desde 2019, já mobilizou mais de 1000 pessoas em atividades diversas, realizou 14 eventos, desenvolveu projetos socioeducativos e socioesportivos integrados, como o Movimenta.me, voltado para levar experiências positivas e atividades físicas para idosos em isolamento social, que nasceu durante a pandemia. Entre 2020 e 2021 produziu mais de 50 conteúdos audiovisuais e mais 100 encontros virtuais com pessoas idosas.


A organização é parceira do Revivendo Memórias do Grupo de Neurologia Cognitiva e do Comportamento do Hospital das Clínicas, da Faculdade de Medicina da USP e do Museu do Futebol.


Em 2020, 2021 e em 2022, foi reconhecida consecutivamente com o Selo de Direitos Humanos e Diversidade do Município de São Paulo na categoria Pessoas Idosas, pela iniciativa de introdução da modalidade para os maduros. Em 2021 passa a integrar a REMS - Rede Esporte pela Mudança Social, uma das mais importantes redes de valorização do esporte para o desenvolvimento humano.


Está conectada ao primeiro hub do ecossistema de organizações do esporte brasileiro, o Arena HUB e foi acelerada pelo programa de impacto social VOA.


Atualmente, por meio de projetos aprovados na Lei de Incentivo ao Esporte Federal e Fundo da Pessoa Idosa, a organização deve fechar o ano com a estruturação de dez Núcleos Integrantes à Rede WFB, em parcerias com Secretarias de Esportes, Secretarias de Desenvolvimento Social e Núcleos de Convivência da Pessoa Idosa de municípios, como: São Paulo, Guarulhos, Cajamar, Jundiaí e Itapevi, além de parcerias com universidades para desenvolvimento do método em estados como SC e RS.


Para o segundo semestre de 2023 a WFB prevê o lançamento de uma convocatória de novas organizações parceiras para integrar à Rede WFB e formação para certificação de profissionais de educação física das cinco regiões do Brasil.


Empresas como: Ambev, Itaú, Pfizer, Machado Meyer Advogados, Dexco, Arteris, Center Norte, Simpress, Centauro e Centauro, estão entre os patrocinadores dos projetos da Walking Football Brasil.


Em 2021, foi selecionada dentre 328 organizações, como uma das 26 a serem apoiadas pelo Itaú Esporte 2022.


A WFB tem uma área específica para acompanhamento dos projetos e avaliação de indicadores. Está alinhada aos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável e estratégia do Envelhecimento Ativo (OMS).


Conheça os projetos da Walking Football Brasil e saiba como apoiar o impacto positivo na vida das pessoas 60+.


Conheça nosso site e redes sociais WFB



Informações à imprensa



Informações para empresas

contato@wfb.org.br


Telefone: (11) 98443-5042

10 visualizações

コメント


bottom of page